Facebook

Se deixar amar...

Se deixar amar…

Sou a saudade de um jardim que nunca existiu, de filhos que nem nome têm, de um amor que nunca vivi. Vivo o desafeto […]